A alimentação infantil durante a quarentena

Manter uma rotina de alimentação saudável é muito importante no período de isolamento social. Veja dicas para cuidar da alimentação das crianças na quarentena.


A função dos alimentos vai muito além de simplesmente nos manter saciados. Uma alimentação adequada e saudável garante uma boa nutrição e o perfeito funcionamento de todo o corpo. Portanto, ela influencia, e muito, na saúde e bem-estar, principalmente das crianças.


Se em uma rotina convencional este hábito é essencial, durante o período de isolamento que vivemos, devido à Pandemia do Coronavírus, é ainda mais importante esse cuidado para prevenir a obesidade infantil e fortalecer o sistema imunológico. A ideia principal é ter equilíbrio, tornar as escolhas saudáveis um hábito e abrir exceções em momentos específicos.


Alimentos in natura, como frutas, legumes, verduras, grãos diversos, oleaginosas, tubérculos, raízes, carnes e ovos, são saudáveis e excelentes fontes de fibras, de vitaminas, de minerais e de vários compostos que são necessários para a manutenção da saúde e a prevenção de muitas doenças. Uma grande dica é apresentá-los de uma forma diferente e divertida para as crianças. Existem muitas versões de guloseimas feitas de forma saudável e muito saborosa, que viram uma festa entre as crianças.


As rotinas mudaram e as crianças estão sendo bastante impactadas por esse novo formato instável, cheio de receios e privações, mas com simples passos que selecionamos para vocês, esse cuidado pode se tornar mais natural e divertido.


  • Realize as refeições em família, sempre que possível. Esse hábito faz com que o momento seja gravado na memória das crianças como algo prazeroso, além de trazer a atenção plena para o momento, identificando os alimentos ingeridos, conversando sobre cheiros, sabores, cores e texturas.

  • Deixe frutas prontas e higienizadas ao acesso das crianças. Isso permite que elas façam essas escolhas nos momentos em que a fome bater entre as refeições.

  • Ofereça água, muita água! Isso vale para os adultos também. Tente se lembrar de tomar água com frequência e, sempre que beber, ofereça também às crianças. Mostre como é gostoso e importante esse hábito.

  • Evite levar as crianças ao mercado. Nesse momento de quarentena, o mais indicado é que apenas uma pessoa da casa faça as compras. Além de ser uma medida de prevenção contra a Covid-19, dessa forma evita também a compra de produtos industrializados que causam desejo nas crianças, mas que agregam muito pouco ou nada para a saúde.

  • Até os 6 meses de idade a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) é o aleitamento materno exclusivo. Nesses casos, não é necessário oferecer nenhum outro alimento ao bebê, nem mesmo água.

E lembre-se, as crianças utilizam muito do exemplo das ações dos pais para formarem seus gostos e hábitos.


Fontes:

Nutricionista Camila Rodrigues – Nutrical

https://drauziovarella.uol.com.br/alimentacao/cuidados-com-a-alimentacao-das-criancas-durante-a-quarentena/


36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo